quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

A hora da verdade na RA!

PS antecipado: escrevi bastante, hehehe. Preparem-se.

Olá, minhas amigas, como estão?
Bom, ontem eu me pesei e na verdade, tinha perdido mais 200 gramas. Ótimo, né? Não engordei e é alguma coisa. Mas a melhor notícia ainda é que meu percentual de gordura baixou um pouco: cerca de 32%. Ainda é muito, claro, mas felizmente está diminuindo.

Mas, então, eu já estava enjoada de tomar shake e não comer muitos alimentos salgados. Aí, decidi que até a semana que vem farei uma RA "normal". Comerei o que eu tiver vontade, mas sem exageros. Não comecei ontem a fazer a Dieta Nota 10 porque eu não tinha terminado de ler o livro que ensina a fazê-la. E tive que sair de casa - comer antes, portanto - antes que tivesse tempo para ler.

É aí que começo a ver meus pontos fracos:
eu tenho que planejar minha alimentação. Ontem, por exemplo, saí de casa umas 17h e só voltei às 23h. Ao contrário do que vinha fazendo, não levei nenhum lanche para a tarde. Daí, neste ínterim, não comi NADA. Eu fui à casa de uma amiga fazer umas coisas e não comi lá. Mas estava morrendo de fome porque só havia comido umas 3 horas da tarde. Tenho até vergonha de dizer o horário em que acordei .

A questão é que eu só não dei uma bela deslizada porque NÃO DEU TEMPO. Eu simplesmente abomino passar fome, ficar muito tempo sem comer, porque acho que faz mal. Se eu tivesse saído mais cedo da casa da minha amiga, eu teria passado no drive-thru do Mc Donald's. Tá, ainda havia a possibilidade de passar no Habib's, que é 24 h, mas eu achei melhor não. Não gosto tanto do Habib's para comer um milhão de calorias lá!

Esta é outra grande sacada:
não engordar com coisas que nem sejam tão gostosas assim. Na minha casa ontem, por exemplo, não havia nada que eu adorasse a ponto de comer um monte. Claro que havia coisas "passáveis", como bolachas, danones razoáveis. Mas nada que compensasse mesmo eu comer demais e, portanto, engordar. Nem quis almoçar ontem porque havia comidas que eu não gosto muito, como bife à rolê. Para mim não vale a pena comer isso, banhado em óleo ainda por cima.

Outro ponto interessante é a questão da água: ontem, eu quase não tomei. E sempre fui acostumada! Quando eu estava na casa da minha amiga, eu tomei um copo quando cheguei. Daí fomos para outro cômodo no segundo andar. "Claro" que ninguém iria sair de lá para buscar água. Eu iria me sentir um pouco inconveniente de ficar pedindo para ela descer para buscar e também não acharia muito educado eu ir sozinha e ficar abrindo a geladeira da casa dos outros... Não sei como ela não
morre de sede porque ela fala muito, hahaha.

Bebo bastante água na minha casa porque tem um filtro no escritório - onde eu passo a maior parte do tempo - e, quando vou fazer esteira, deixo a garrafinha do lado. Creio que essas estratégias ajudem bastante. Muito dificilmente eu iria sair do meu escritório para buscar um copo d'água... Já encho logo uma garrafinha de 500 ml e deixo do lado do computador. Também, quando não saio desesperada, com pressa, tenho o costume de levar uma garrafinha no carro e ir bebendo...

Mas, enfim, acabou que ontem, depois que eu cheguei da casa da minha amiga, tomei dois pratos de uma sopa de legumes, com refrigerante zero. Depois comi umas torradas e uma banana. Hoje eu também fiquei um tempão na rua. Mas fui mais organizada. Almocei certinho, com salada, carne grelhada, etc. Comi um lanche no horário adequado para não ficar morrendo de fome depois. Tomei água onde eu estava, café com adoçante. Tudo normal. À noite comi um lanche natural, bem equilibrado, apesar de um pouco de batata palha. E comi meia fatia de uma bolo de chocolate com cobertura. Sem culpa. E só comi metade porque já estava saciada. Pelo menos com isso, vale a pena ingerir mais calorias, na minha opinião. O que é besteira, no meu caso, é ficar comendo bolacha recheada, chupando bala. Nem curto muito... E agora, para a ceia, vou comer uma porção de fruta, que eu ainda não comi.

Dica: notei hoje que, quando eu mastigo bastante, para triturar bem o alimento, eu como menos. Aliás, percebi durante esta RA que eu tinha o costume de comer muito rápido, engolir muita coisa. Para que isso, né, gente? Prazer em engolir bastante coisa, literalmente.

É isso, meninas. Quis compartilhar com vocês como está sendo minha RA "independente", fora dos cardápios restritos. Tomara que tudo dê certo e eu continue neste ritmo.



Para todas um grande beijo!

13 comentários:

Vi disse...

Oi amiga,
Acho que e a primeira vez que venho realmente pedir com todas as palavras uma ajuda real.
Poxa, eu nao ando me sentindo nada bem, expliquei tudo no meu post de hj (24.01), da uma lidinha por favor(e gigante, um livro). O blog foi a primeira forma de eu gritar por socorro!!!
Bjss

disse...

Oi Miss, obrigada pela dica no meu blg sobre a água. Agora com o marido em casa, vou fazer isso de deixar a garrafa no escritório. E vc usa um raciocínio idêntico ao meu. Sempre que vou comer uma coisa fora do meu cardápio normal, tipo uma bolacha qualquer, um doce, ou até mais um pedaço de carne que nem esteja tão gostoso assim, penso: "não vale a pena engordar por isso" e desisto. As vezes já cheguei a dar uma mordida, vem o pensamento e antes de mastigar cuspo fora. (Esses dias contei esse lance prá alguém, espero que não tenha sido prá vc,pois vai achar que estou gagá hehehe). E isso de fazer uma RA sem cardápio também funciona prá dar um gás prá voltar com "saudades" depois. O importante é ficar de olho nos horários e nas quantidades. Mas isso, tenho certeza que vc já sabe. Bjs. Zá

Mαrα disse...

primeiro queria dizer que amei o post, poderia dizer que foi até eu mesma que fiz .. rsrs
tudo que ia lendo dizia pra mim mesma 'concordo' .. 'concordo' sentir fome é PÉSSIMA, e não faz nada bem .. e não é o ideal numa RA .. viver só de shake, essas coisas NÃO rola! o nosso organismo tÊm necessidade de outras coisas, por isso tento variar ao maximo o que posso na minha alimentação .. ate pq injou das coisas muito rápidos!
aah e acho que vc fez algo muito inteligente, antes de comer o bolo de chocolate tu se alimento direito, sanduba bem levinho .. ai na hora de comer o bolo, com vc ja sem fome, vc pode comer meio pedaço e se satisfazer .. uma das grandes dificuldades é a pessoa saber fazer isso, comer (que nem vc comeu o bolo) mas em quantidade pequena, nao passar vontade!
agora ja penso se vc nao tivesse comido o sanduba, vc ia eestar com fome e com certeza ia descontar no bolo! ai ja viu né? jaca na certa ''/

parabens pelas atitudes e escolhas certas!

um super beijo miss ;^*

Ana Maria disse...

Acho que a melhor coisa é uma RA normal, sem sacrifícios, talvez a única forma de não desistir e aprender. Também estou aprendendo a diferenciar o que realmente gosto e o que comia só por vício. Vai ser um dos meus próximos posts.

ahhhh Que bom que você perdeu mais gramas e gorduras. Parabéns!

Futura ex-bolotinha disse...

Como disse a Zá... tbém penso assim: não vale a pena comer por isso e antes mesmo de mastigar coloco para fora.
Ontem tbém naum comi mto pq a comida foi carne e como não estou comendo, fiquei só no iogurte light mesmo hehehe
procure deixar um lanchinho na bolsa, tá?
bjossss

Futura ex-bolotinha disse...

Ah, vc comentou que não sou bolotinha e sim cheinha, por causa das minhas medidas. É a mais pura verdade. Por ser alta e ter uma estrutura gde, mts não me acham gorda e me chamam de mulherão. Mas nunca estamos felizes, né?
Mas usei essa expressão (bolota) pq meu irmão que chama todos assim, ai pegou hehehe
bjaooo

Gesiane disse...

oie... a coisa certa eh esta, encontrar o nosso equilibrio, nem sempre e fácil... mas temos quue tentar, neh?

Eu bebo bastante água, mais quando tono trabalho, mas bebo... bjinhus

Anne disse...

Miss, minha linda...da próxima vez não saia desarmada de casa.rsrs...leve uma barrinha de cereal na bolsa,maçã e uma garrafinha de água vazia, que é pra não pesar, daí quando chegar no lugar(que deve ter filtro, vc enche.rsrs)gostou das dicas?rsrs
Menina de Deus, esse troço de comer devagar é que tá o setenta,como rápido demais e estou tendo que mudar isto, a água até que está indo bem 2 á 3 litros/dia,tenho que me concentrar e começar a comer devagar, acho que é só uma questão de disciplina né?aí que fudeu, nunca fui muito disciplinada.rsrs

Beijokas e até mais!!!

~~ Sereiah ~~ disse...

Oi, querida! Tô vendo que muita gente está deixando a rigidez das RA controladas na ponta do lápis. Isso é estressante, né? Quer me matar é me deixar sem água! Até à noite, eu tenho a garrafinha na cabeceira, e bebo água. Obrigada pela visita! bjks da Sereiah

Márcia disse...

Oi Miss! Que bom que vc está percebendo o melhor forma de seguir sua RA! Tb vivo com minha garrafinha de água... hehe! Estou torcendo pra sua bolsa sair, aí vc me manda um postal... rs. Bjks

Pam disse...

Uma das formas (a mais simples) de calcular a TMB (calorias para você sobreviver "em repouso") é:

TMB= 655,1 + (9,56 * seu peso em quilos) + (1,85 * sua altura em centímetros) - (4,68 * sua idade em anos)

Depois de calcular a TMB, multiplique-a pelo valor correspondente à sua atividade física (FA):
1.2 para algo bem light (dia todo descansando)
1.4 algo menos light (trabalho no escritório/ assitir TV)
1.5 moderado (atividade física durante o dia)
1.8 pesado (trabalhador braçal, treino na academia, etc.

Com o valor TMB x FA, você tem a quantidade de calorias que pode ingerir para manter o peso. O que você reduzir daí (procurando nunca ficar abaixo das 1000 kcal diárias) é que vai fazer você emagrecer.

Beijos!

Gisele disse...

Mastigar bem os alimentos é um dos grandes segredos para comer menos. Eu ando sempre correndo, com pressa, então acabo comendo bem mais do que o necessário. Vou tentar sempre lembrar disso.
Outra dica boa do teu post é de PENSAR antes de comer. Tem coisas que realmente não valem as calorias que contém, né?

Beijo!

nara disse...

To seguindo voce
to amando ser seus topicos