domingo, 1 de agosto de 2010

Crise passageira de depressão

Olá, amigos, tudo bem? Espero que sim. Nem sei por onde começar.

Aquelas medidas que eu tracei no último post têm sido cumpridas. Não tive nenhuma variação exraordinária de peso de uma semana para outra - apenas 300 gramas-, mas ainda pretendo seguir seguir essas diretrizes, por enquanto.

Vou fazer um balanço aqui do que eu devo fazer e do que eu fiz, diariamente:

A - Cumpri tudo direitinho:
1- Tomar bastante água.
2 - Consumir dois tipos de fruta na forma pura, de suco, iogurte ou geleia.
3 - Folhas verdes em ao menos uma refeição.
6 - Mastigando devagar.
7 -Ingerir comida mesmo à noite, em vez de lanches .

B - Cumpri mais ou menos:
5 - No máximo, duas porções de doce por dia.
Observações: tinha dia que eu comia mais de duas, por besteira, tipo ficar beliscando bolacha com recheio.
8 - Controlar o chocolate.
Observações: Um ou outro dia, eu extrapolei, mas melhorou DEMAIS em relação aos últimos tempos.

C - NÃO cumpri:
9 - Planejar minhas refeições do dia seguinte.
Observações: eu não fiz porque não fiz.
4 - Refrigerante apenas na versão zero ou light.
Observações: não fiz porque esqueci de comprar refrigerante em versão light. Ai, eu detesto refrigerante de garrafa pet! E se eu comprar latas, é demais também. Bom, mas vou ver.

---
Segunda-feira, depois de escrever o último post, eu fiquei bem para baixo. Não quis tomar um remédio que eu uso para dormir, para ver o que que dava. E o que que deu? Só consegui pegar no sono umas 4 da manhã e tinha de levantar cedo. Eu fiquei PÉSSIMA de cansaço durante toda a terça-feira. Na quarta, eu descansei, depois fui à terapia e foi uma deprê só. Fiquei mal à noite, triste...

Na quinta-feira cedo, voltei à terapia - já tinha até marcado -, e fiquei pior ainda devido a algumas coisas que têm vindo à tona. Fiquei MUITO triste, chorei bastante, fiquei com aquele sentimento de indecisão, etc. Mas depois melhorei. Na verdade, eu acho que tive uma crise de depressão de terça até quinta. Bom, vou colocar o dedo na ferida até resolver de vez essas questões que me afligem.

---
Na mesma segunda-feira, também depois de escrever o post, eu tive um momento de compulsão alimentar, mas acho que é porque eu não estava conseguindo dormir. Veio-me à cabeça que eu não preciso ficar neurótica, afinal não preciso emagrecer correndo por causa de algum evento importante (viagem, formatura, etc).

A propósito: eu estou atrás de parar de tomar remédio para dormir. Desde o começo do ano, já diminuí - sob orientação médica - a dose pela metade. Pretendo parar de tomar até o final do ano. Nada contra, mas hoje eu não preciso mais. A questão é que meu organismo viciou...

---
Bom, é isso. Nada de diferente planejado, além das medidas que eu expus acima, dando atenção para o que eu não cumpri.

Beijos e boa semana!

12 comentários:

Dáfni disse...

Miss Blueberry,

Eu também faço terapia, e tomo remédios para depressão há anos. Não sei como viveria sem essas duas coisas...

Mas o que queria te dizer é que um desses remédios que eu tomo também favorece o sono profundo. Teve um dia que eu não tomei, porque o remédio acabou, e dormi mal pra caramba... Só depois de ler isso que escreveu que me dei conta que meu organismo também tá meio viciado, sabe?

Espero que esteja melhor...

Beijos

***Nara*** disse...

Melhoras querida, essas fases tb passam, como tudo o mais. Bjos

Vaidosinha disse...

Problemas para dormir... te entendo tão bem.
Esses dias, não sei que como, tenho conseguido dormir melhor.
Já tentou remédios naturais? Talvez seja uma boa opção para 'desacostumar' de outros.
Boa semana :)
Beijos

Tetê - Sem Neuras disse...

Oi Blueberry! Depressão não é brincadeira... a terapia ajuda muito! Os remédios são bons mas que viciam, viciam! Nosso organismo é uma caixa de mistério! Como é difícil lidar com seu funcionamento! Esfriou, eu paro de beber água! E as frutas, eu gosto geladas... a maçã e a banana eu ainda faço cozida e como quentinha. Por esses detalhes é que eu prefiro o tempo mais quente! Amiga, fica bem, tá? Bjks Tetê

*Kika* disse...

Ei amiga!!!
Olha, depressão é algo comum nos dias de hoje, vivemos sob muitas pressões e nós, a família e a sociedade nos cobram demais, enfim, você não é diferente de ninguém...
Siga as orientações do seu terapeuta e não tenha medo do tratamento, pois uma vez ouvi o seguinte de um psiquiatra: "remédios são seus amigos, sua inimiga é a depressão".
No mais, cumpra suas metas, tente não se frustrar e aproveite as coisas boas da vida!!!
BEijos e conte comigo!!!

Franciele disse...

Oi querida!

Tenha calma e paciência! Essas crises são normais só não podemos deixar ela nos afetar tanto em nossos sonhos e objetivos.

Se concentre na sua meta. E confie muito em Deus que tudo vc irá alcançar!

Milhões de beijos

Fran

Franciele disse...

Oi querida!

Tenha calma e paciência! Essas crises são normais só não podemos deixar ela nos afetar tanto em nossos sonhos e objetivos.

Se concentre na sua meta. E confie muito em Deus que tudo vc irá alcançar!

Milhões de beijos

Fran

Franciele disse...

Oi querida!

Tenha calma e paciência! Essas crises são normais só não podemos deixar ela nos afetar tanto em nossos sonhos e objetivos.

Se concentre na sua meta. E confie muito em Deus que tudo vc irá alcançar!

Milhões de beijos

Fran

Ludimila disse...

aHHH, querida...
não exija tanto de si mesma...
Vai vivendo e fazendo o que por hora é mais descomplicado pra vc...em relação à dieta, tenta fazer pelo menos 1 semana certinho...depois 1 mês...vai ter um monte de erros? vai! mas tbém haverá alguns acertos que, com o tempo, entrarão na sua rotina!
Força!
Que Deus te abençoe!

Bellatrix disse...

Olá querida! Espero q a sua crise de depressão já tenha passado 100%! Parabéns por ter cumprido a maioria e conseguido melhorar, mesmo sem dar conta de 100%, alguns outros pontos, o q vc não fez é a menor parte da lista, então vc se saiu mto bem! :) Tomara q vc consiga se libertar desses remédios, não devem fazer bem, então eu apóio a sua decisão, boa sorte
Obrigada pelo comentário, eu confesso q não sei explicar mto bem d q tamanho ficariam as próteses, mas vão ser uma melhora, então eu farei. Como trabalho no comércio, o final do ano é uma época ruim, pelo q eu andei conversando com os colegas, o ideal é eu fazer até outubro, pois em novembro o movimento de Natal já começa, e depois q passa em janeiro começam as vendas de livros didáticos, q é uma época c-a-ó-t-i-ca, pior até do q o Natal. A correria só termina lá pra abril, mas daqui até lá eu já enlouqueci, então vou tentar fazer no começo de outubro. Só precisarei de aprovação de crédito ><' Se não der certo, vou ouvir a sua sugestão de aguardar os 6 primeiros meses, achei uma ótima idéia!
beijões e se cuida

Beth disse...

Minha querida, parabéns por tudo que cumpriu, seja totalmente ou mais ou menos. Já foi um progresso tremendo, valeu mesmo! E quanto ao que não cumpriu, veja bem, evoluiu também, porque você anotou, você SABE o que fez e não fez, está gerenciando seu processo e isto, não tenha dúvida, é progresso dos bons e a ajudará a aprimorar-se ainda mais.
Sobre a depressão, avalie direitinho, pode ter sido apenas um momento nostálgico, uma tristeza, existe diferença entre depressão mesmo e uma etapa ruinzinha no nosso emocional, que é normal. Eu sempre receio que as pessoas rotulem de forma inadequada, em seu 'desfavor', algumas fases que todo mundo na vida tem, de mau humor, aborrecimento, apatia etc. que confunde com depressão. Mesmo quem sofre de depressão, acho eu (é só achismo, me perdoe se eu estiver errada) pode ter um dia ou outro esquisitinho sem que seja a própria depressão, ou não? Acho qeu sim.
Mas o que vale é você estar melhor. Busque ajuda sim, tomara que consiga se livrar de remédios para dormir, quanto menos dependente disso melhor para você.
Beijos mil.

Anônimo disse...

No comecinho de junho tmbm tive uma crise de depressão,só que ela durou mais,foi de quinta até domingo.

Fiquei com uma dor de cabeça horrorosa entre quarta de noite até domingo,e com aquelas sensações de depressão...