domingo, 24 de janeiro de 2010

Galopando atrapalhadamente

Oi, amigas, tudo bem?

Eu estou, para falar a verdade, mais ou menos. Não gosto de ficar reclamando aqui no blog, mas acho que também não tem porquê eu ficar disfarçando, não é?

Ainda estou viajando e não pretendo ir embora tão logo - tipo amanhã ou depois. Mas não sei o que está acontecendo, só que estou com umas neuras estranhas, como se eu estivesse enchendo o saco aqui, como se as pessoas não gostassem mais de mim como gostavam antigamente, como se uma parenta minha gostasse mais de outras pessoas do que de mim e não me tratasse tão bem como. Aham, sei que parece doentio isso... E a questão é que RACIONALMENTE eu sei que não tm nada a ver pensar essas coisas. NADA A VER. Mas eu não consigo evitar, não consigo me controlar e me sinto angustiada e triste.

Quais as minhas providências para melhorar? Ainda tenho que pensar melhor sobre, mas vou:
a) ligar para o meu psicólogo e conversar com ele sobre o assunto - para eu ligar assim para ele, é sinal de que estou quase inteiramente desesperada.
b) escrever no meu diário tudo o que estou sentindo. Me sinto bem quando expresso TUDO em palavras, sem autocensura.
c) ficar mais calma e ser eu mesma.

Por enquanto, é isso. Acho que arrumar umas coisas para fazer também é bom. Creiam: nem rezar está adiantando muito :(.

Bom, quanto à alimentação, por causa desse vai-e-vem emocional, eu estou comendo além da conta, Ingerindo mais comida e mais junkie food! E estou bebendo pouca água também. De exercício físico, só o mínimo do dia-a-dia.

Outra coisa que não está ajudando é que eu ando gastando muito dinheiro
- e nem sempre bem gasto: umas vezes com coisas úteis (mas não urgentes), outras com bobagem (como pizzas, lanches, doces).

O que eu posso fazer? Fazer direito... É a minha melhor alternativa. Tomar mais água e comer menos besteiras (gordura e doces).

O positivo dessa história de, um pouco, me empanturrar é que eu acho que enjoei de bolos e tortas - que eram o que eu mais gostava. Fui duas vezes a uma doceria nos últimos dois dias e não achei muito graça...

Bem, bem, bem... É isso. Aos poucos, vou voltando ao meu eixo.

Um beijo a todas e boa semana.

domingo, 17 de janeiro de 2010

Treinando - abstrata e concretamente

Olá, amigas, como estão todas? Espero que muito bem :).

Eu estou aqui na casa de uns parentes. Está legal, me sinto tão em casa como se estivesse na minha própria. Não sei exatamente por quê, mas ando um pouco para baixo desde ontem, aborrecida. Tudo começou (ou se agravou) quando passei por um certo estresse, andei demais, fui embora tarde de um lugar e fiquei com medo de ser assaltada. Não, nenhuma situação concreta, só a fama de perigosa da cidade mesmo. Então, meio que saí do ar, mas já estou melhor. Coisas para fazer, eu tenho, é só "caçar". O computador aqui é meio devagar, o que também me deixa meio irritada - sei que parece bobagem, mas é assim, não preciso mentir...

Tô comendo pouco! Aliás, eu estou frugal. Ou estou me tornando uma pessoa minimalista: trouxe pouca bagagem \o/; saí ontem para passear, mas não gastei dinheiro em bobagens \o/ \o/. E estou comendo pouco, SEM NEURAS, para manter o peso \o/ \o/ \o/.

Tudo bem, vou me esforçar para voltar à minha rota de equilíbrio emocional :D.

Comprei alguns produtos de beleza ontem e um acessório para fazer penteados. Depois falo mais detalhadamente sobre tudo. Ah, outra coisa legal que tem aqui é que os meus parentes têm BASTANTES coisas de cosmética (shampoos, hidratantes, perfumes) e eu posso experimentar TUDO :D! /adoro.

---
Falando em cosméticos, deixa eu mostrar para vocês os esmaltes que estou usando:

- Nas mãos, o Toque de Ira da Risqué.

Um laranja tomate, para definir em poucas palavras.

-Nos pés, Arábia da Risqué.
(Meu pé tá parecendo gordinho na foto, mas é fininho :) )

As cores e a combinação ficaram bem estilosas. Minha mãe e meu namorado não gostaram do Arábia... Meu namorado, irreverentemente e na maior inocência, disse que ficou parecendo Durepox, hahaha - até eu rio... Mas esses esmaltes moderninhos são que nem o horário de verão: ou se gosta, ou se não gosta - sem meio termo. Eu gosto e gostei ;), e ainda sairia, além das unhas, com uma sombra laranja e com glitter, na boa. Ah, e a durabilidade é ótima. Fiz quarta-feira e hoje, domingo, as unhas ainda estão dignas.

Logo depois que eu passo uns esmaltes estilosos desses, eu penso: "Onde eu estava com a cabeça?" - hahaha -, mas acabo gostando, porque já enjoei das cores mais tradicionais, tanto das pastel quanto dos vermelhões. Só não encaro um azul escuro, por exemplo, ou um verde.

A propósito: uma das minhas metas das "101 coisas em 1001 dias" é justamente aprender a fazer as unhas sozinha, sem precisar ir à manicure. Tá, as de cima, eu não fiz, hehehe, porque eu ia viajar, tinha de estar com as unhas bem feitas. Mas comecei, na semana retrasada, a esmaltar sozinha:

Gostei, achei que ficou fofo, mesmo passando apenas base - Fortalecedora com Óleo de Orquideas, também da Risquée - sem tirar as cutículas. Tenho, é claro, que aprender e treinar mais, mas tenho certeza de que é a prática que faz a perfeição ;).

---
Beijos, queridas, bom domingo e boa semana.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Um dia perfeito em felicidade!

Oi, amigas, tudo bem? Comigo está tudo ótimo!

Ontem foi um dia MARAVILHOSO, PERFEITO! Foi permeado de pequenas grandes coisas! Vou colocar na ordem:

1 - Lembram-se de que eu contei aqui que estava ajudando um aluno (mesmo com a oposição egoísta de algumas professoras)? Pois então, fiquei sabendo ontem que ele passou de ano! \o/. Vocês podem imaginar como eu fiquei feliz? Vi a notícia, por e-mail, assim que acordei! Em outras palavras: eu comecei o dia felicíssima MESMO, alegre! Para esse menino ir para a frente, é necessário um processo trabalhoso e um pouco devagar, mas a primeira batalha foi vencida!

2 - Um pouco depois, chegou aqui em casa o prêmio de sorteio que eu ganhei, com artigos superlegais!

3 - Fui ao Walmart ontem, só para bater perna (hehehehe). Vi TUDO o que me interessa (livros, CDs, DVDs, maquiagem e cosméticos). Acreditem: passei LONGE do setor alimentício! E automaticamente, sem ter que me controlar. Até me impressiono com isso. Mas o melhor foi que, por sorte, encontrei um livro que eu queria comprar há tempos, mas sempre tinha dó de gastar dinheiro com ele, sendo que eu tenho trocentos outros aqui em casa para ler. Mas a questão é que estava por um preço imperdível! Coisa de, mais ou menos, 18 reais de desconto, sem o frete. Aí, né, eu "tive" que levar! Comprei Às Margens do Sena por R$19,90, um preço excelente. Mas aí vocês querem saber o que foi o "pior"? O preço baixo estava marcado indevidamente - era o dobro, na verdade! - e, como vocês devem saber, nesse caso, a loja tem que vender pelo preço anunciado, ainda que menor \o/. Assim, eu tive um bom desconto por pura sorte! :D

Olha, na verdade, eu só estou me lembrando pontualmente dessas três boas coisas, hahaha. Mas é que o dia foi tão singelo e gostoso, sabem? Tive boas notícias, fiz coisas agradáveis, meu cabelo estava ótimo depois de uma hidratação (num outro post, eu falo mais sobre isso!), estava usando umas roupas e uns acessórios legais - no meu estilo, compreendem? Sem aquela coisa de usar apenas o que tiver e servir. Enfim, foi um dos melhores dias do ano para mim. Eu tenho planos, metas e sonhos, MAS já tenho realmente tudo o que eu preciso para ser feliz :).
De mais a mais, tô cumprindo todos os meus comprimissos e outras coisas a que me propus, sem muito sofrimento. Fazendo um pouco por dia. Até cabe o gif abaixo que eu vi num blog amigo:

(clique para visualizar melhor)

Como eu vou viajar amanhã, eu me pesei hoje. Resultado: 60 kg e 30,3% de taxa de gordura. Ou seja: mais UM quilo e eu saio da casa dos 60. E NÃO TÔ SOFRENDO PARA ATINGIR ESTA META! Tô tomando bastante água e comendo pouco, apesar de a minha dieta não estar a mais nutritiva do mundo. Na viagem, é provável que eu coma coisas diferentes, mas depois eu vejo o que posso fazer para recuperar o eventual prejuízo. O importante é sempre comer a quantidade normal do que se tem vontade. Errado é se empanturrar por hábito e/ou ansiedade.

Falando em viagem, estou fazendo a minha mala, enquanto estou aqui no computador, fazendo umas coisas. Decidi que vou levar o estritamente necessário e só um pouco a mais! Vou ser o mais minimalista possível. Tenho pavor de carregar mala pesada - vou viajar sozinha e de ônibus - e não gosto de ver, quando retorno, que não usei muito do que eu levei. Então, vou ser o mais essencial possível - ATÉ com maquiagem O.O.

É isso, amigas. De lá, eu vou poder acessar à internet e a gente conversa!

Um beijo a todas!

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Sabonete Protex Aloe, dedico este post a você!

Olá, amigas, tudo bem? Espero que sim. Por aqui, vou bem ;).

Melhorei da gastrite, mas, acreditem ou não, logo em seguida, comecei a ter uma alergia chatíssima! Começaram a pipocar umas bolinhas no meu pescoço e no meu rosto, que coçavam demais. Daí, a alergia passou a se alastrar para o resto do corpo. Sinceramente, eu já tinha ido duas vezes ao Pronto-Socorro na semana passada; só voltaria num novamente se estivesse à beira de um colapso. Então, para ver se a alergia melhorava, resolvi comprar o sabonete Protex Aloe:

Amigas, eu super recomendo esse sabonete nessas horas. Conforme eu ia lavando minha pele com ele, parava de coçar e a vermelhidão diminuía. Eu acredito que o uso contínuo dele deixe a pele ressecada, pois ele realmente limpa. Mas, nas horas do aperto e para lavar as mãos, ele é excelente.

Três dias depois, eu ainda estava com alergia, mas ela tinha diminuído bastante. Mas, como eu já estava irritada - fico bem chata quando minha saúde não está perfeita -, eu fui à farmácia ver um antialérgico. Comprei o Polaryn (maleato de dexclorfeniramina) e o problema diminuiu ainda mais.

Hoje, estou quase 100%, a pele está cicratizando - ninguém merece microbolhas no rosto! - e eu não sinto nenhuma coceira. E, no final das contas, todo esse meu problema de alergia foi resolvido por menos de 4 reais ¬¬. (A gente sofre por pouco...)

E vou usar esse sabonete para limpar meus pincéis de maquiagem. Como antibactericida, ele realmente é muito bom.

---
Pesei-me na sexta e o resultado foi positivo: 60,5 kg! A taxa de gordura ainda está alta: 33,5 %. No entanto, sei que isso só se resolve com musculação-tempo.

Agora, já posso retomar hábitos saudáveis, como beber água regularmente - nem isso eu conseguia semana passada! -, comer mais variedades, e voltar a tomar café \o/. Eu estou prestando atenção ultimamente no tanto de doces que venho comendo, simplesmente por hábito, com pouca vontade ¬¬.

Serei sincera: não voltarei à academia neste mês e não sei se farei exercícios em casa! Eu sei o quanto é importante, mas eu não quero ter compromisso, nem peso na consciência nas férias, sabem? Mas mês que vem, eu PROMETO que retomarei a academia (já usei muito essas três últimas palavras por aqui...).

De resto, ando fazendo várias coisas "empacadas" e outras da minha lista de "101 coisas para fazer em 1001 dias". Estamos indo num ritmo médio e sempre ;).

---
Ganhei um selinho de Amiga Poderosa!

Regras
1- Postar o selinho com o nome e o link da blogueira que mandou:



Quem me mandou: Debora! Obrigada, querida!

2-Escolher 5 amigas que te incentivam e avisá-las: todas me incentivam, mas vou escolher 5 aleatoriamente - Tetê, Très Jolie, Mírian, Ludimila e Anne. Mas, como eu disse, realmente todas me incentivam, então, quem quiser o selinho, sinta-se à vontade para pegar ;).

3-Completar as frases:
a) SOU PODEROSA PORQUE: sou determinada.
b) MINHA MAIOR QUALIDADE É: fazer as coisas com seriedade, valorizar aquela pessoa por quem eu esteja fazendo alguma coisa.
c) MEREÇO MAIS: dinheiro, hahahaha.
---


Um beijo a todas e boa semana!

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Que a primeira semana do ano NÃO indique como será o resto dele...

...porque, se sim, eu estou ferrad#! Primeira semana de janeiro e eu já começo com uma gastrite MONSTRO, que eu meio que peguei do meu namorado, que estava com uma virose BRABA, que foi passada para a irmã dele!, que agora está passando mal também. Gente, eu nunca me senti TÃO mal assim por causa do meu estômago! Nem no ano retrasado, quando eu fiquei uma semana de cama, sem poder fazer nada, porque estava com ataque de gastrite nervosa.

Desta vez, não sei se foi gastrite nervosa ou se foi uma "mera" inflamação por causa do contato com meu namorado - que, afinal, teve virose e mais sintomas do que eu. Eu "só" tive náuseas, dores de estômago e mal-estar. Dava vontade de chorar de desespero até! Eu sou muito sensível à dor e a procedimentos médicos.

Mas, enfim, depois de muita dor, muito remédio, duas idas ao PS, de tomar soro na veia duas vezes, de ficar prostrada na cama por não poder fazer mais nada, acredito que eu esteja melhorando. Pelo sim, pelo não, já marquei compromissos para amanhã! (Otimismo.)

Vou ver se dou um jeito na cor do meu cabelo, a qual está horrível. A textura dele deu uma melhorada - milagre! -, mas a cor continua uó.

Nem tenho nada que falar sobre a minha alimentação porque, evidentemente, o que eu consegui comer nesta semana não corresponde à realidade. Mal bebendo água eu estava.

Nem sei também quanto estou pesando porque acabou a pilha da balança ¬¬, afff! Deste o último post, eu fiz exercícios físicos meio que moderados, pois passei o Ano Novo num hotel-fazenda, então nadei bastantinho. Depois que voltei, comecei a passar mal e só fiquei de cama, praticamente, deste então.

---
Deixa eu deixar uma dica aqui para vocês. No meu último post, eu disse que meu cabelo estava HORROROSO, e estava mesmo, eu não estava exagerando: armado, com a textura péssima. Para amenizar na hora, eu resolvi testar de um jeito diferente uma pomada que eu tenha faz um tempo, uma da Neez, que tem queratina na fórmula, e cuja foto vai abaixo:


Bem, nunca fiquei muito satisfeita com o resultado desta pomada. Eu achava que ela deixava o cabelo com um aspecto oleoso e as minhas mãos, após a aplicação, ficava grudentas (não suporto isso). Aí, na semana passada, resolvi passar de um jeito um pouco diferente. Peguei um tanto de nada, esfreguei nas mãos, e passei nas áreas da cabeleira que estavam mais arrasadas. Depois passei uma escova para desembaraçar e um pente fino para pentear e finalizar. E o resultado ficou muito bom: bem apresentável, com balanço, sem cara de cabelo oleoso e eu não precisei lavar o cabelo antes de sair (o objetivo era esse).

Enfim, eu recomendo essa pomada, desde que se saiba usar. Aliás, eu percebi que muitos produtos de maquiagem ou de cosmética que eu considerava ruins, era porque eu não sabia usar muito bem. Assim, claro que o resultado não ficava grande coisa.

---
É isso, amiga, tudo de bom para todas :).
(E que eu continue melhorando, por favor.)