quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

TPM psicológica? Passou...

Olá, amigas, tudo bem com vocês? Então, aquele desânimo do último post melhorou. Acho que eu estava com uma TPM psicológica, hehehe.

Comecei no meu novo trabalho... Sendo bem franca, eu não gostei das minhas funções no primeiro dia. Mas hoje achei melhor. Enfim, estou me adaptando. Espero que dias melhores venham. O que é certeza é que eu não posso me acomodar lá, de jeito nenhum.

Com essa história de mudar de emprego, vou almoçar fora todos os dias. Acreditem, estou feliz com isso. Por razões que não vem ao caso mencionar, a qualidade, digamos, gastronônima das refeições aqui na minha casa está MUITO a desejar, para não dizer ruim mesmo. Já me estressei muito por isso, pontanto comer fora é uma boa perspectiva.

Mas concluí que eu devo me policiar para não abusar, né? O estímulo é grande. Claro que - para variar - devo refletir sobre isso, hehe, como é do meu feitio. Um dos itens a que eu devo ficar atenta é não comer salada com maionese todos os dias.

Quando eu me alimento bem, com comida de verdade, eu acabo não descambando muito nas besteiras... Como menos lanche, menos chocolate, menos muita bobagem. Mas veremos.

Ah! Meu namorado propôs que não comêssemos muitas besteiras - lanches e chocolates, sobretudo - até que cada um de nós emagrecesse uns 6 quilos. Achei legal a ideia e, em geral, tem dado certo.

Amanhã me pesarei e refletirei!

---
Amigas, desejo a todas um excelente Natal e muita paz de espírito nos próximos dias, principalmente. Um abraço a todas!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Uma nota

Não gosto de ficar reclamando, acho que isso atrai coisas ruins. Mas estou cansada... E amanhã tenho que dirigir por duas horas.

E principalmente, o pior é que: praticamente tudo deu errado na semana passada ¬¬ =/ :(.

Às vezes a gente se cansa, né?

:*.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Me jogando e hora de pesar as prioridades

Oi, queridas, tudo bem?

Eu não poderia deixar de iniciar este post agradecendo a TODAS as que me parabenizaram pelo meu concurso! Obrigada mesmo a todas! É muito bom receber mensagens do tipo "você merece" - coisa que eu, felizmente, recebi muito devido aos últimos acontecimentos profissionais na minha vida. Agradeço mesmo e desejo em dobro para vocês! :)

---
Alimentação: caos! Motivo: estresse e ansiedade. Acreditem, não é desculpa para boi dormir. Me joguei FORTE nas orgias alimentares, como se não houvesse amanhã. Alguns eventos para vocês terem uma ideia da falta de freios: cheguei a enjoar de ir ao McDonald's; cheguei quase aos 70 quilos - recorde desde 1998; cheguei a comer mesmo, sem vergonha na cara, quando estava muito esgotada emocionalmente.

Olhem, cheguei a pensar que essa questão de alimentação era o pior problema da minha vida! E não sabia o que fazer, por onde começar, não tinha paciência... Agora, estou mais calma, mas também não cheguei a tomar nenhuma atitude concreta e muito eficiente para melhorar...

---
Nos próximos dias, minha vida será um, digamos, jogo em que os passos e o tempo serão rigorosamente cronometrados. Além das obrigações normais, devo fazer planejamentos, sabem? ¬¬ Tipo, definir prioridades, calcular tempo, variáveis externas (taí o problema).

Tô preparando o meu espírito para tanta correria e tanta angústia. Será que isso está certo? Será que não deveria ter uma atitude mais positiva, otimista, tranquila, mais leve?

Serei bem franca: nem deveria reclamar tanto, porque, em geral, as coisas na minha vida dão certo mais cedo ou mais tarde. MAS DÃO UM TRABALHO, UM DESGASTE, UM ESGOTAMENTO! Eu gostaria que elas dessem certo sem que eu tivesse TANTA dor de cabeça #desculpe-sou-iludida. Mas, vai saber, né? Talvez eu não me dê conta do que dá certo "naturalmente", sem muito "matar um leão por dia" da minha parte.

---
Enfim, é isso: sentar, escrever uma listinha de prioridades, ter em mente os ensinamentos que os erros do passado trouxeram, TER FÉ, e chegar lá!

Um abraço!