terça-feira, 31 de maio de 2011

Rapidinha de meio de semana

Olá, queridas, tudo bem? Deixa eu contar rapidamente como as coisas estão indo.

- Percebi - tipo assumi - que os lanches da tarde no escritório estavam comprometendo a dieta. Primeiro porque às 3 horas a tarde (horário habitual do break) eu nem estou com fome, pois almoço a 1. Segundo que comia mais do que deveria, meio que compulsivamente, repetindo coisas que eu nem gosto muito, etc. Ok, HOJE consegui me controlar. Vamos ver daqui para frente.

- Também me toquei que, caso volte direto para casa depois do trabalho, eu chego meio que desesperada para comer e ataco o que tiver pela frente, mesmo que não seja saudável ou gostoso. E agora, #comofas?

- Conversei com meu namorado. Tudo certo por enquanto :).

- Discuti ontem com a minha mãe, falei umas coisas pesadas para ela. Ela me disse que ficou magoada e eu pedi desculpas - perdão para ser mais específica. Ok, ok...

- Olha, eu cheguei, no domingo, a uma técnica de como me sentir bem e que para mim foi purificadora! E tô mais tranqüila até agora! Qualquer hora, eu conto aqui.

Beijos, bom resto de semana - e que chegue logo a sexta-feira, amém!

PS: frio por aqui.

sábado, 28 de maio de 2011

Buscando meu lugar À SOMBRA

Olá, amigas! Como estão? Como sempre, vou me desculpar por ficar tanto tempo ausente. Decidi que daqui para frente vou ser mais dedicada a este blog. Me faz bem e faz com que eu seja mais disciplinada. Como devem ter notado, o nome do blog mudou - mas não o endereço, por enquanto. Nem tinha mais cabimento chamar o blog de "Emagrecer pela Última Vez", afinal ninguém emagrece pela última vez há anos! Na verdade, o meu caso é um exemplo clássico de "efeito sanfona": engorda, emagrece, engorda... Então, para dar um up no meu próprio ânimo, resolvi mudar o nome para ser mais sincera comigo mesma e com quem lê. E também pretendo falar mais sobre a minha vida, sobre os meus gostos, sem perder o foco na questão de emagrecer.

De mais a mais, deixa eu contar as novidades em tópicos (para facilitar):

- fiz as pazes com a questão do almoço: estou comprando marmitex quatro dias por semana e indo a um restaurante - para abusar mais um pouco - apenas um dia. Isso fez com que os meus gastos com alimentação caíssem pela metade. E eu estou comendo menos também \o/.

- estipulei, durante a semana também, uma porção de doce por dia. Não consigo largar de vez, nem fazer menos do que isso...

- Cheguei ao meu peso máximo em uns 12 anos: 72 kg. "Legal", né? Agora estou com 71,6 kg. Nunca imaginei que um dia ficaria contente se chegasse aos 66 kg... O chato é que algumas roupas estão muito apertadas, tive que comprar coisas novas para essa fase mais "cheinha". E, claro, me sinto mais roliça, principalmente nas minhas pernas... =/

- Tive uma briga péssima com um pessoal do meu trabalho, por uma questão tão mesquinha que chega a ser inacreditável. Se eu relatasse as coisas que eu ouvi, vocês me falariam que eu deveria ter xingado feio todo mundo... Assim, estou batalhando por uma transferência de lugar - trabalho na justiça -, mas está bem difícil, é uma loteria... Mas tenho outros planos - incertos ainda - em perspectiva. No trabalho, o ambiente melhorou, (aparentemente) voltou ao normal, mas nesse lugar que eu estou, pretendo não ficar nem até o final do ano. Cidade pequena é cidade pequena, não tem jeito.

- Sabem, sinto que eu não tenho muita sorte para questões profissionais. Para não ser mal-agradecida, digamos que eu tenha sorte por um lado, e má sorte por outro. Más escolhas, acasos que ora me favorecem, ora não... Me sinto numa montanha-russa. Ontem, vendo Vale Tudo, no Viva, vi o Marcelo Novaes e pensei: "é, ele demorou, pelo menos, mais uns 6 anos para chegar no auge dele [como o Raí, de Quatro por Quatro]. Talvez eu esteja muito apressada mesmo e tenha de ter mais paciência." Sim, eu tiro lições de vida vendo novelas, hahaha.

- Meu namorado anda meio chato comigo, meio mal-humorado. Isso me deixa insegura. Estou tentando ser compreensiva e paciente também. Ele diz que é porque a vida dele está bagunçada, ele está se sentindo pressionado, no trabalho e na faculdade. Mas a vida dele sempre foi meio bagunçada e ele sempre foi legal comigo... Sei lá, acho que tenho que agir mais calculadamente.

- O milagre da vida: comecei a fazer caminhada numa pistinha perto de casa, à noite, depois do trabalho. Isso é motivo para chover quarenta dias e quarenta noites, hahaha. Fui poucas vezes ainda e ando 3 km por vez, mas estou satisfeita com o começo.

É isso, amigas, até a próxima - dentro de uma semana no máximo.

Bom findi e ótima semana.

Beijos!