quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Um update rápido e um acontecimento marcante.

Olá, amigas! Deixem-me dar uma satisfação rápida de como andam meus dias.

O projeto da caminhada está abaixo do desejado e eu devo ter a autocrítica e a disciplinas necessárias para reverter isso. Até hoje, dia 25/08 (psicologicamente, né?, pois já passa da meia-noite para o dia 26), eu fiz menos da metade do planejado. Faltam pouco mais de 18 km para concluir a meta de 30 km/mês. Em outros termos, tenho cerca de 5 dias para andar tudo o que preciso. Vou tentar chegar aos 25 km completos, ao menos, e fico com um "débito" para o próximo mês.

A alimentação melhorou, pois, felizmente, dei um jeito de levar comida de casa para o trabalho. Aí, claro que a quantidade de comida diminuiu, né? Porém, sinto que tenho beliscado bastante em vários horários.

Um acontecimento marcante: domingo, eu fui ao shopping e, por causa de "tudo", agravado por uma TPM (que eu não tinha), eu me senti um LIXO. Desculpem a gravidade da palavra, mas não existe outra para descrever melhor. Eu me senti feia, gorda, mal-arrumada, um lixo mesmo... Sabem quando parece que você é um fracasso? Pois é, assim. Melhorei depois.

Para não variar, tenho um monte de coisas para fazer, mas tô conseguindo dar conta de 80%.

Apesar de tudo, sei que devo ter em mente que dias melhores sempre são possíveis.

Beijos a todas!

PS: Vou atualizar as visitas no fim de semana.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Momento para baixo demorando para passar

Olá, amigas, tudo bem?

Em primeiro lugar, fico feliz em dizer que correu tudo bem com a minha mãe :). Como eu havia dito, eu estava com medo, principalmente, do hospital, mas fiquei admirada com o lugar, com a higiene, com a educação dos funcionários.

Obrigada a quem desejou boa sorte.

---
Bom, queria contar aqui que, desde a semana passada, eu não tenho me sentido muito bem... Sei que já aludi a isso, mas, agora, o que está me preocupando é que está demorando para passar. É normal - acho -, de vez em quando, ter alguns momentos um pouco depressivos, tristes. Não sei, quando é muito de vez em quando, eu deixo a coisa fluir, não me autocensuro. Acho que agindo assim é mais fácil de passar. Mas isso quando dura três dias, no máximo.

Desta vez, faz quase duas semanas que eu tô numa morgação, num marasmo, sabem? Do tipo "não vou me arrumar, que se dane", "não vou hidratar o cabelo, tô cansada", "não vou estudar, é muita coisa, deixa para depois", 'não vou cuidar da pele porque já tenho muita coisa para fazer"... Tipo, pensando agora, também já estive pior quanto a esse tipo de atitude. BEM pior. Mas faz uns dias que eu tô naquela indisposição para estudar, para ler, para fazer unha, para muitas coisas.

Na verdade, eu fiz MIL coisas na semana passada, mas ainda menos do que planejei, num primeiro momento. Depois, me toquei que eu não sou duas, tenho que priorizar e algumas tarefas ficarão pendentes mesmo. Acho que comecei a ficar cansada, sabem, para fazer tudo...

Também houve momentos estressantes, infantis, babacas, etc, no trabalho, como eu já venho mencionando. Aparentemente, a situação está melhor, sem perspectivas de novos estresses.

Agora é tocar para frente.

Nesta semana, a alimentação não foi aquelas coisas. Ainda tenho quinta e sexta para me dedicar, mais o final de semana. Bebi pouca água. Mas fiz caminhada ontem. Se não estiver chovendo, vou amanhã. Ao todo, quero ir, pelo menos, mais dois dias até domingo.

---
Dica: amigas, tenho navegado bastante pelo site da Revista Máxima, no qual topei por acaso. Tem muitas matérias legais e úteis e, por enquanto, o conteúdo da revista impressa é liberado. Recomendo.

---
Um beijo, bom resto de semana.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Uma meta: 30 km/mês

Olá, amigas, tudo bem?

Bom, por aqui, as coisas estão bem, mas não estou me sentindo exatamente bem, entendem? Acho que é até "pecado" agir/pensar/me sentir assim...

Mas, bom, vamos às novidades: emagreci! 900 gramas, ou seja, quase 1 quilo. Claro que me animei, né? Hehehe. Peso atual: 72,6 kg.

Semana passada eu comecei a fazer caminhada. Ao total, andei 9.600m, em 3 dias. Minha meta - fixei - será de 30 km por mês. A ideia é de andar 3,0 ou 3,6 km por vez, 3 vezes por semana. Quando pensei no total, nos 30 km, me pareceram muito, depois pensei que, na média, é 1 km por dia, o que é "pouco"... Não sei, por enquanto, me parece razoável.

Por incrível que pareça, em mim, só de andar um pouco, eu sinto diferença nas roupas. E um pouquinho nas medidas.

Na semana passada, eu estava triste por ter engordado, por estar me sentindo inchada. Também galei que não sou do tipo de pessoa que tem retenção de líquidos. Mas acho que tenho de rever esse conceito, ver se é assim mesmo.

Também não sei se a quitosana começou a fazer efeito de vez... Estou comendo menos, por enquanto.

Dei uma exageradinha na alimentação no final de semana: comi Nutella, chocolate demais...

---
Estou meio preocupada, meio triste, sabem? Minha mãe vai fazer uma pequena cirurgia nesta semana e estou, é claro, apreensiva... Racionalmente, sei que, aparentemente, não é nada grave. Tenho receio - ou paranóia - é de infecção hospitalar, de como é a competência e o zelo dos médicos, da anestesia... Não tenho um motivo concreto para preocupações, não... Mas sabem como é...

---
Bom, é isso! Um beijo e até mais!